Número de pedidos de recuperação judicial é recorde

Foram 766 requerimentos até agosto, o maior volume desde 2006

Por Agência Brasil

Juiz decreta recuperação judicial de empresa

Os pedidos de recuperação judicial entre janeiro e agosto cresceram 41,6% em relação ao mesmo período do ano passado, segundo a empresa de consultoria Serasa Experian. Nos oito primeiros meses de 2015, foram 766 pedidos – o maior número verificado para o período desde 2006, quando a pesquisa foi criada.

Para os economistas da Serasa Experian, o aprofundamento do quadro recessivo da economia ao longo do segundo trimestre deste ano, o enfraquecimento da atividade econômica, a alta do dólar e a elevação dos juros trazem problemas financeiros às empresas e são responsáveis pelos índices apurados no estudo.

As micro e pequenas empresas lideram os requerimentos, com 393 pedidos no período, seguidas pelas médias (228) e pelas empresas de grande porte (145). Na análise mês a mês, houve aumento de 3% em agosto, em relação a julho, passando de 135 pra 139. Na comparação entre agosto deste ano e agosto de 2014, a alta foi 113,8%. Apenas em agosto, as micro e pequenas empresas entraram com 70 requerimentos de recuperação judicial, seguidas pelas médias, com 54 pedidos. As empresas de grande porte registraram queda nas solicitações: foram 40 pedidos em julho e 15 em agosto.

Os dados da Serasa indicam que, nos primeiros oito meses do ano, foram feitos 1.156 pedidos de falência no país, aumento de 6,8% em relação ao mesmo período de 2014. Do total de requerimentos de falência entre janeiro e agosto, 598 foram de micro e pequenas empresas, 267 de médias empresas e 291 pedidos de grandes empresas.



leia também

Dilma diz que sofreu segundo golpe de Estado na vida - Ex-presidente afirmou que recorrerá contra o que chamou de “fraude”

A China fez o que o mercado queria - Corte de juros era algo esperado, mas ainda não é suficiente para ajudar na recuperação econômica, afirmam especialistas

A estabilidade do funcionalismo público é mesmo necessária? - O tema é particularmente importante no contexto de ajuste fiscal, avalia Zeina Latif

A responsabilidade do Congresso - O cuidado com os recursos públicos e o respeito à restrição orçamentária deveriam ser valores da casa, opina Zeina Latif

A superfície e as profundezas da economia - Retomada poderá ser difícil dada a situação financeira empresarial

Acionista da Ambev deve comemorar ajuste fiscal - Uma medida específica pode trazer valorização das ações da cervejaria

comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: