Tempo bom para as finanças

itaipu-350Um maio deste ano, a maior produtora de energia limpa do mundo completou 30 anos de operação – e em plena forma. Instalada em Foz do Iguaçu, na tríplice fronteira entre Brasil, Argentina e Paraguai, a Usina Hidrelétrica de Itaipu tem motivos de sobra para comemorar. Depois de gerar 98,3 milhões de MWh em 2012, a empresa quebrou seu próprio recorde no ano seguinte, atingindo a marca de 98,6 milhões de MWh. Controlada por Brasil e Paraguai, a usina poderia ter rompido a barreira dos 100 milhões de MWh ainda em 2013, mas algumas medidas preventivas, adotadas em função da Copa das Confederações, acabaram impedindo o resultado. “Fomos projetados para produzir 75 milhões de MWh. Mas, em 2013, registramos um número quase 25% acima disso”, salienta Jorge Samek, diretor-geral brasileiro de Itaipu.

Mais do que quebrar recordes, no entanto, o objetivo de Itaipu é produzir energia com eficiência e segurança, valendo-se de um know-how acumulado há três décadas. Antes da Copa do Mundo realizada no Brasil, por exemplo, a companhia reforçou suas equipes e investiu na modernização dos equipamentos. Tudo para aprimorar o poder de atendimento a eventuais picos de demanda. Samek lembra que o bom funcionamento de uma hidrelétrica depende de três fatores básicos: consumo em alta, chuvas e tecnologia de ponta. “Havendo água, temos de estar com as máquinas em ponto de bala”, afirma.Felizmente, água não tem faltado. Com as chuvas de junho, a vazão média da usina saltou de 1,4 mil para 45 mil m3 por segundo.

Abençoada pela geografia

Aliás, o grande trunfo de Itaipu é sua localização estratégica. Posicionada na ponta mais baixa de uma cascata, a hidrelétrica recebe a mesma água que, antes, já movimentou as turbinas de outras 45 usinas espalhadas pelo país. André Trein, analista da Fundamenta Investimentos, salienta que a hidrologia do sul é favorável à produção de energia– especialmente quando comparada às demais regiões do país, onde a escassez de chuvas prejudica o funcionamento das turbinas. “Itaipu tem uma fluência bastante forte, gerando a plena carga”, explica Trein. Os resultados atestam essa diferença: em 2013, a receita bruta da hidrelétrica chegou a R$ 8,9 bilhões, 20% acima do registrado no ano anterior.